Image
E29
Joana Pestana vs Rui Silva

_

14.03.2022

A convite dos Maus Hábitos, a partir de hoje e, uma vez por mês, farei uma noite de Sumo aberta ao público na qual estarei eu, mais duas pessoas de algum modo ligadas ao design, a conversar à mesa. Como tudo o que começa tem um fim, idealizei 7 edições para este formato do Sumo, o que significa que irão passar por aqui 14 participantes ao longo dos próximos meses.


Para este primeiro podcast com nome de luta japonesa, ao vivo, tenho a Joana Pestana e o Rui Silva. A Joana é designer, educadora e investigadora. Desenvolve projetos no cruzamento da tecnologia, do design e das novas literacias. Destaca-se nesse âmbito o trabalho de co-curadoria das exposições Omnisciência: Estratégias de Fractura e Fuga (2021, Fórum da Maia), Scrolling the Arcane (2020, Planetário do Porto) e Critical-GPS (2018, Royal College of Art). É docente convidada na Universidade Católica do Porto e Universidade da Maia, tendo previamente leccionado na Kingston School of Art, Sheffield Hallam University.


O Rui trabalha como designer gráfico desde 2005 no projeto www.alfaiataria.org, um espaço de corte-e-cose gráfico situado entre o Porto e Lisboa. Desde 2007 que tem o prazer de desenhar livros, colaborando regularmente com editoras como a Antígona, a Orfeu Negro e a Dafne. Em 2016 aderiu ao paradigma das materialidades por um período de quatro anos — renovável por tempo indeterminado — e em 2018 inicia um pequeno laboratório de publicação, o Gabinete Paratextual, associado ao Doutoramento em Materialidades de Literatura que está em fase de conclusão com a tese: «A condição de ser livro. A publicação como prática artística e o livro como artefacto».